RSS

As raposinhas!

02 ago

Tirei uma semana das minhas férias para descansar, sozinha, em casa de meu pai, na Serra do Estado do Rio. Saí completamente da minha rotina, e, em certo momento, olhando o jardim, em frente a casa, reparei que quase não mais havia grama,  mas um quase tapete de ervas não identificadas escondiam, em grandes pontos do jardim, qualquer grama que ali houvesse existido.

Fiquei pensando na Palavra de Deus quando diz sobre as raposinhas :

Cânticos 2:15 Pigliateci le volpi, Le piccole volpi che guastano le vigne, Le nostre vigne fiorite.

Realmente, como não tivemos o cuidado com a grama, as ervas daninhas tomaram conta do espaço e se não atentarmos para isso e não cuidarmos do jardim,enquanto ainda há tempo, talvez não tenhamos mais um gramado naquele espaço.

Assim também com a minha vida, fui levada a concluir. Se eu deixar que alguma coisa, qualquer que seja, me atraia de tal forma que possa me dominar, corro o risco, como o gramado, de morrer.

Jesus quer ser o primeiro em minha vida e Ele não divide a Glória dEle com ninguém e com nada. Peço a Jesus que cuide de mim como um jardim, para que eu tenha um gramado bonito e seja fácil descobrir as raposinhas e arrancá-las todas. Jesus eu te amo!

 
Deixe um comentário

Publicado por em agosto 2, 2008 em MEU BLOG

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: